fbpx

Dente de gato precisa de cuidados também!

uma mão escovando os dentes de um gato

Share This Post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Dente de gato precisa de cuidados também!

Os gatos são conhecidos por serem animais que se cuidam bem sozinhos, sem exigir muito dos seus donos em questão de limpeza. Essa herança vem de seus ancestrais, que buscavam na natureza as melhores maneiras de se manterem limpos.

O problema é que o gato doméstico não dispõe de todas as ferramentas da natureza que seriam utilizadas para isso, além de terem uma alimentação e rotina diferentes. Por isso, dentre os cuidados, os dentes do gato precisam de uma atenção especial!

Neste artigo você verá a importância do cuidado com os dentes dos felinos, a forma correta de mantê-los limpos e saudáveis.

Importância de cuidar dos dentes do gato

Se não cuidados, eles podem gerar uma série de problemas na saúde do animal, desde perda de dentes até o desenvolvimento de doenças mais graves. Veja alguns benefícios a seguir.

Evita que o gato perca os dentes

Problemas orais costumam aparecer principalmente a partir dos 3 anos de idade, e ocorrem em 8 a cada 10 gatos! Isso acontece porque os dentes do felino têm tendências a acumular bactérias e resíduos que, se não cuidados, podem formar tártaro.

Em casos graves, a escama de tártaro pode gerar problemas tão sérios que os dentes precisam ser removidos para se livrar da dor.

Previne uma série de doenças

As bactérias presentes na boca dos gatos podem se multiplicar e se organizar em uma espécie de camada dentária, caso não sejam removidas. Essa camada funciona como uma porta de entrada para bactérias, criando um campo livre para a proliferação de diversas doenças no animal, como a periodontal, que destrói os dentes.

Um cuidado adequado previne não só doenças relacionadas à boca como as diversas outras do corpo, já que a falta de saúde bucal enfraquece o sistema imunológico do gato como um todo.

Evita despesas com remédios e tratamento

Um cuidado dentário preventivo é proveitoso tanto para eles, que não são obrigados a ingerirem remédios e nem passar por tratamentos estressantes, quanto para o seu bolso, que não sofrerá o impacto de um tratamento de valor elevado.

São pequenas ações que evitam despesas com remédios e tratamentos que fazem uma grande diferença. A prevenção é a maior aliada da saúde do seu bichinho!

Como cuidar dos dentes do gato?

Os cuidados devem começar cedo, escovar os dentes corretamente e oferecer uma dieta nutritiva são a base da prevenção de doenças! Veja mais a seguir!

Escove os dentes do gato adequadamente

É importante acostumar o gato desde cedo a escovar os dentes adequadamente, facilitando o processo. Escolha um lugar tranquilo e em um momento em que o pet estiver calmo. Faça carinho nele e, aos poucos, com uma escova de dente para gato, faça movimentos leves e circulares nos dentes e gengivas.

Não tenha pressa, saiba respeitar o conforto do animal! Com o tempo ele vai ganhando confiança e esse hábito se torna mais tranquilo. O ideal é que a escovação seja diária, mas pelo menos duas vezes por semana já funciona bem.

Utilize uma pasta adequada para escovar

Existem diversas pastas de dente feitas para gato no mercado. Converse com seu veterinário de confiança para saber quais são as melhores opções para a saúde do seu animal e quais as que ele mais se adapta.

Nunca utilize pasta de dente para humanos! A concentração de flúor presente nelas pode gerar problemas graves ao entrar em contato com o organismo do animal.

Ofereça uma dieta nutritiva

Uma alimentação saudável e nutritiva também ajuda na saúde bucal. Isso ocorre porque as comidas livres de substâncias ultra processadas, por exemplo, são bem absorvidas pelo organismo e geram mais proteção imunológica.

Opte por rações naturais e lanches saudáveis. Em pouco tempo já será possível reparar a diferença no hálito e na aparência dos dentes do gato!

Ofereça mordedores e outros produtos

Mordedores também podem ser seu aliado. Alguns são revestidos de produtos que são liberados na boca do animal, fornecendo uma camada protetora. É possível encontrar também outros meios de limpeza, como sprays e rações específicas.

Pesquise bem sobre a funcionalidade dessas táticas de limpeza e veja com o veterinário o quão benéfico pode ser para o seu animal!

Dúvidas frequentes sobre dente de gato

Por ser um assunto pouco divulgado e comentado, os dentes de gato, bem como seus cuidados, geram muitas dúvidas nas pessoas. Veja abaixo algumas das perguntas mais frequentes e suas respectivas respostas!

Gato tem dente de leite?

Sim, os gatos têm dentes de leite! Eles os trocam de forma muito similar a dos humanos. Eles nascem sem dentes, mas a partir da terceira semana de vida, surgem os dentes de leite, chamados de decíduos.

A troca para os permanentes ocorre entre os 3 e 7 meses de idade, com o surgimento de dentes maiores e mais resistentes.

Quantos dentes tem um gato?

Na fase de crescimento dos dentes de leite, como visto no item anterior, os gatos desenvolvem 26 dentes. Entre os 3 e os 7 meses, eles são substituídos pela dentição permanente, que conta com 30 dentes.

Os felinos contam com quatro tipos de dentes, cada um com função diferente: os incisivos, pequenos dentes da frente muito utilizados para limpar as garras; os caninos, compridos e pontiagudos que servem para morder; os pré-molares, para triturar alimentos; e os molares, na parte de trás da boca, para mastigar.

O que é a dupla dentição em gatos?

A dupla dentição nos gatos acontece quando o posicionamento do dente está errado, podendo prejudicar a mastigação. Isso gera uma mordida “torta”, onde o felino tem mais desgaste dentário, prejudicando a sua saúde bucal.

Além disso, os dentes duplos aumentam as chances de a comida ficar acumulada entre as cavidades dentárias, o que exige uma maior atenção na hora da limpeza.

Cuidar dos dentes do gato cabe na sua rotina!

Neste artigo você descobriu a importância do cuidado com os dentes do gato, e o que pode acontecer com seu bichinho se seus dentes não forem bem tratados. Além disso, viu as maneiras corretas de se manter o cuidado frequente, sanando as principais dúvidas sobre os dentes dos felinos.

Em um primeiro momento pode parecer algo muito trabalhoso, mas saiba que tudo isso cabe na sua rotina! Após adquirir as informações necessárias, é visto que cuidar da higiene bucal do seu pet não demanda tantos esforços assim, sendo possível integrar os cuidados no cotidiano de sua família felina.

Mais posts!

Uncategorized

Feira Pet South America

A espera está finalmente terminando! Neste mês de novembro já poderemos matar aquela saudade da maior feira do mercado pet da América Latina: a Pet